DIA DA EDUCAÇÃO INFANTIL – PARABÉNS!

27 ago

Tudo que eu devia saber na vida aprendi no jardim-de-infância  Robert Fulghum

jardim de Infância

Tudo que eu preciso mesmo saber sobre como viver, o que fazer, e como ser, aprendi no jardim-de-infância. A sabedoria não estava no topo da montanha mais alta, no último ano de um curso superior, mas no tanque de areia do pátio da escolinha maternal.

Vejam o que aprendi:

– Dividir tudo com os companheiros.

– Jogar conforme as regras do jogo.

– Não bater em ninguém.

– Guardar os brinquedos onde os encontrava.

– Arrumar a “bagunça” que eu mesmo fazia.

– Não tocar no que não era meu.

– Pedir desculpas, se machucava alguém.

– Lavar as mãos antes de comer.

– Apertar a descarga da privada.

– Biscoito quente e leite frio fazem bem à saúde.

– Fazer de tudo um pouco – estudar, pensar e desenhar, pintar, cantar e dançar, brincar e trabalhar, de tudo um pouco, todos os dias.

– Tirar uma soneca todas as tardes.

– Ao sair pelo mundo, cuidado com o trânsito, ficar sempre de mãos dadas com o companheiro e sempre “de olho” na professora.

Pense na sementinha de feijão, plantada no copo de plástico: as raízes vão para baixo e para dentro, e a planta cresce para cima – ninguém sabe como ou por quê, mas a verdade é que nós também somos assim.

Peixes dourados, porquinhos-da-índia, esquilos, hamsters e até a semente no copinho plástico – tudo isso morre. Nós também. E lembre-se ainda dos livros de histórias infantis e da primeira palavra que você aprendeu, a mais importante de todas: Olhe! Tudo que você precisa mesmo saber está por aí, em algum lugar. A regra de ouro, o amor e os princípios de higiene. Ecologia e política, igualdade e vida saudável.

Escolha um desses itens e o elabore em termos sofisticados, em linguagem de adulto; depois aplique-o à vida de sua família, ao seu trabalho, à forma de governo de seu país, ao seu mundo, e verá que a verdade que ele contém mantém-se clara e firme. Pense o quanto o mundo seria melhor se todos nós – o mundo inteiro – fizéssemos um lanche de biscoitos com leite às três da tarde e depois nos deitássemos, sem a menor preocupação, cada um no seu colchãozinho, para uma soneca. Ou se todos os governos adotassem, como política básica, a idéia de recolocar as coisas nos lugares onde estavam quando foram retiradas; arrumar a “bagunça” que tivessem feito.

E é verdade, não importa quantos anos você tenha: ao sair pelo mundo, vá de mãos dadas, e fique sempre “de olho” no companheiro.

(Do livro Tudo que eu devia saber na vida aprendi no jardim-de-infância, de Robert Fulghum. Editora Bertrand Brasil.)

V Circuito de Ciências da Rede Pública de Ensino do Recanto das Emas. Venha fazer parte deste importante evento!

21 ago

20150821183151

Seminário de Educação Profissional

21 ago

         Seminário para Apresentação da OP de Integração Educação Profissional/ EM /EJA. O encontro foi realizado no CEM 804 e contou com a presença dos professores do EM, Coordenadores da CEPROF, Coordenação/ Assessoria da CRE e Coordenadores Intermediários da GEB. Uma iniciativa da Coordenação de Educação Profissional da Regional do Recanto das EMAS.

20150821180633 (1) 20150821180633 (2)

20150821180633 (4)

Continuar lendo

Palestras no Fórum da Sala de Recursos e de Especialistas em DA no CEF 106

21 ago

Palestra da professora Andréia, especialista em DV no fórum da Sala de Recursos.

Palestra das profissionais especialistas  em   DA , da  UE Polo de DA, CEF106.

20150821133332 20150821135552 20150821135637

Continuar lendo

PROJETO DE INTERVENÇÃO EM LEITURA “FORMANDO LEITORES COMPETENTES E PROFICIENTES” ANOS INICIAIS 2015

21 ago

Agradecemos a participação e contamos com o empenho de todos.

folder 1okfolder2 ok ok 11036642_904555632944619_4689051801066238681_n 11193269_904555299611319_954780786444055841_n

Continuar lendo

Aula inaugural PNAIC 2015

21 ago

convite

          Chegamos ao terceiro ano de implantação do PACTO NACIONAL PELA ALFABETIZAÇÃO NA IDADE CERTA – PNAIC – e temos claro o compromisso com a meta de alfabetizar todas as crianças até os 8 anos de idade.

Em 2013, a ênfase do PNAIC baseou-se na formação em Língua Portuguesa e, em 2014, na formação em Matemática, com a preocupação de não abandonar o trabalho desenvolvido anteriormente com a Língua Portuguesa. Em 2015 e 2016, a novidade será a ampliação para as demais áreas do conhecimento, de forma integrada, abrangendo a educação integral das crianças nesse início do processo de escolarização.

Optou-se por considerar a interdisciplinaridade como a tônica do trabalho de formação em 2015 e 2016.

11013614_904115289655320_425390076503533775_n11903843_904115396321976_8711789188763612889_n11230219_904115312988651_5285055282234344672_n11017473_904115322988650_3643552151531314984_n

Continuar lendo

Imagem 18 ago

CRAI

Seguir

Obtenha todo post novo entregue na sua caixa de entrada.

Junte-se a 732 outros seguidores